Votação Anti Todos ao Estádio! Qual Arbitragem? Tesourinhos Artigos de Opinião Disparates Lapidares

Votação Anti Todos ao Estádio! Qual Arbitragem? Seara Alheia Tesourinhos Artigos de Opinião Disparates Lapidares


Outros Canais Anti-Benfiquismo Disparates Lapidares Artigos de Opinião
 
Comentários a Artigos

Ponte Aérea
António Varela, jornal Record
28 de Junho de 2011




Tendo sempre como pano de fundo a fobia de falar depreciativamente do Benfica, António Varela nas suas ‘Avenidas Novas’ faz um intróito pretensamente abrangente, concluindo que actualmente Portugal é apenas um sítio de passagem para os futebolistas oriundos dos países da América do Sul.

Não custando reconhecer a indiscutibilidade dessa conclusão, parece deveras claro que essa é uma situação reconhecida por muito que possa custar a alguns. Seria portanto lógico e coerente que Varela tivesse abordado essa temática numa versão transversal a todos os outros clubes portugueses e não se tivesse detido com tanto detalhe no Benfica, falando apenas en passant do(s) outro(s) clube(s).

Mas todos sabemos como Varela é limitado de ideias, pelo que aproveitou um facto plural para de uma forma pretensamente hábil o situar com grande destaque na órbita do Benfica e em particular dos jogadores brasileiros e argentinos que vêm para os encarnados e que anunciam ao Mundo em antecipação no Rio de Janeiro, em São Paulo, em Buenos Aires ou em Mar del Plata que Lisboa e o Benfica são gateways para a Europa dos endinheirados...

Se é certo que as declarações explícitas dos jogadores podiam ser evitadas porque podem causar pruridos em ouvidos mais sensíveis ou mentes mais sugestionáveis, só os que praticam a política da avestruz é que poderão sentir-se defraudados perante uma realidade que quer queiramos quer não, faz parte do quotidiano actual de muitos jovens jogadores não só daquela zona do globo, mas também de todas as outras partes do mundo.

Apesar de escrever que ‘Este não é um fenómeno exclusivo do Benfica’, o que Varela pretendeu foi induzir os leitores numa única conclusão: Isto acontece porque o Benfica tem feito constar em toda a América do Sul que é uma ‘ponte aérea’. Logo os outros clubes portugueses e nomeadamente o FC Porto comem por tabela.

É assim o Varela, sempre fiel às encomendas para denegrir a imagem do Benfica pois deve ser complicado viver com esse estigma. Contrariamente aquilo que quer fazer passar, os benfiquistas não vivem do passado mas sabem honrar a epopeia gloriosa que transformou o Benfica num clube do tamanho do Mundo.

Este estranho fenómeno continua a surpreender cada vez mais pessoas em partes tão diversas dos cinco continentes, sendo que o prestígio internacional dos encarnados se mantem intacto, o que revela  a sua universalidade, por mais que meia dúzia de frustados dêem o seu melhor para tentar destruir um património tão rico e diversificado que jamais parará de crescer.

Deve ser imensamente frustrante para alguns dirigentes e adeptos, e para diversos jornalistas e opinadores que vivem há décadas a lutar para apoucar o Benfica, estarem rigorosamente no mesmo sítio onde iniciaram a sua pérfida cruzada. Por mais que ganhem, por mais títulos que consigam, ficam sempre com a sensação amarga de que foram adquiridos no supermercado, ao invés dos encarnados que mesmo com desilusões e travessias no deserto conseguem tornarem-se sempre maiores.

A importância de uma pessoa, de uma empresa ou de um clube, avalia-se pelo seu posicionamento na sociedade e na sua capacidade de evoluir e atingir objectivos que não estão ao alcance de todos, e da força que revela na luta permanente contra a adversidade. Mede-se também pela capacidade de resistência à inveja e maledicência e pela intensidade e variedade dos ataques que por isso mesmo lhes são dirigidos.

Vejam, por exemplo, nos últimos tempos a fantástica coincidência da quantidade e da variedade de fogo de morteiro cruzado que surgiu de vários lados sobre elementos da estrutura benfiquista para minar a confiança dos benfiquistas.

O desespero costuma provocar estes ataques de histeria...



Social Networks Artigo Original | Comentários | Página Anterior Bookmark and Share  






Artigo Opinião
Siga-nos no:
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Facebook
RSS


   
Web Design & SEO by ViviDelux